domingo, 26 de outubro de 2014

Postais pelo Mundo | França (1)

Recebi esta semana o meu 15º postal do Postcrossing e o primeiro que viajou da França. Vinha escrito em português com uma frase final em francês, portanto penso que deve ter vindo de uma emigrante.


O postal retrata uma cena invernal nos alpes franceses, mais especificamente  os Alpes de Doisneau.

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

47ª Maratona do Goodreads - Especial Halloween [Plano de leitura]

Está prestes a iniciar-se outra maratona literária do Goodreads na qual irei participar.

A maratona desta vez é individual e decorrerá do dia 25 de outubro (às 00h00) até ao dia 2 de novembro (às 23h59)

Dado que a maratona é um Especial Halloween, o tema será alusivo a esta época do fantástico/terror, portanto o desafio opcional consiste em ler um livro em que tenha como base o género: terror/horror ou o sobrenatural.

Vou colocar aqui 3 livros aos quais preciso de dar prioridade; depois logo vejo como decorre a semana.


Ainda não sei se cumprirei o desafio opcional mas vou tentar inserir pelo meio das leituras um conto que se adeque ao tema proposto.

Boas leituras para todos os participantes!

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Booking Through Thursday | Por um amigo


POR UM AMIGO

Se alguém que tu conheces publicar um livro, sentes-te obrigado a comprar um exemplar? Mesmo que não seja o tipo de livro que normalmente lês?

Para começar, não tenho nenhum amigo nem conheço ninguém próximo a mim que já tenha publicado um livro, portanto nunca estive nesta situação.

Mas supondo que isso acontecia, naturalmente que ficava com curiosidade e gostava de ler o livro, mesmo que não fosse um dos géneros que leio habitualmente. Não iria comprar o livro por obrigação; fá-lo-ia se estivesse mesmo interessada nele e quisesse pedir ao autor para o autografar e, assim, ficar com uma recordação.

E vocês, o que fariam numa situação semelhante?

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Palavras Sentidas


"– Um dia, quando formos velhos e casados, vamos voltar a este mesmo lugar e lembrar-nos deste verão.
– Como sabes?
Ele olhou para ela.
– Que nos vamos lembrar?
– Não. – Ela sorriu. – Que me vou casar contigo.
– Isso é fácil. – Ele olhou para ela e encolheu os ombros. – Nunca irás encontrar alguém que te ame como eu."

Cartas da Nossa Paixão
Karen Kingsbury

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

"A Imagem" de Joel G. Gomes [Opinião]

Antes de mais, quero agradecer ao autor por me ter disponibilizado o livro em formato ebook para eu ler. Foi assim que conheci o autor Joel G. Gomes e que contactei pela primeira vez com um dos seus trabalhos.

A Imagem  é o segundo romance do autor e trata-se da sequela de Um Cappuccino Vermelho, ambos pertencentes à série intitulada Intersecção.
Este romance inicia-se com a apresentação de Lucas, que vive preso à sua rotina e que vive com medo que o menor deslize atraia atenções indesejadas, tanto para si como para os segredos que esconde. Um dia, vê uma imagem aparecer do nada e, embora seja uma imagem bizarra, o que mais o inquieta é o que ela representa. É aqui que a vida rotineira de Lucas vai mudar completamente pois enquanto existirem perguntas sem resposta, ele não conseguirá ter paz.

A primeira impressão que tive ao iniciar esta leitura foi que existiam demasiadas personagens, o que me deixou bastante confusa enquanto lia os primeiros capítulos. Rapidamente percebi que algumas eram personagens de Um Cappuccino Vermelho e, como eu comecei pelo segundo livro, não estava familiarizada com elas.
Apesar de neste livro o autor ir contextualizando o que aconteceu no romance anterior, eu senti que precisava de ter lido os livros pela ordem correta. É esta a recomendação que faço desde já aos leitores: se puderem e tiverem curiosidade em ler este autor, comecem por ler Um Cappuccino Vermelho e só depois A Imagem.

Ultrapassada este dificuldade inicial, comecei a prestar atenção a outros aspetos e gostaria de salientar dois que considero positivos: as descrições e o suspense. Começando pelas descrições, estas são muito reais e bastante pormenorizadas, por exemplo: uma personagem ia comprar uma bebida e uns parágrafos mais à frente, começava a bebê-la. Pode parecer demasiado pormenorizado e que não acrescenta nada de mais à história, mas esta atenção que o autor dá às ações das personagens acaba por tornar a narrativa bem interessante. Felizmente, a escrita do autor é cativante e leva-nos a querer ler sempre mais. Aqui surge o suspense, que é colocado tanto no final dos capítulos como durante os capítulos, quando o autor alterna entre as personagens.
Estas mudanças entre personagens e entre passado e presente só são confusas até conhecermos bem as personagens (já expliquei acima a dificuldade que tive); depois de nos sentirmos mais à vontade, a leitura torna-se bastante fluida.

Gostaria ainda de mencionar outros aspetos que considero menos positivos: a construção das personagens e os diálogos. Penso que o autor precisa de trabalhar e desenvolver melhor as personagens e as suas caraterísticas. A minha dificuldade com as personagens também se prendeu pelo facto de me parecerem todas semelhantes e de não haver muitos aspetos a distingui-las.
Pareceu-me também que os diálogos por vezes eram um pouco rudes, que as personagens eram mal educadas umas com as outras. Os acontecimentos do livro levavam as personagens a não se sentirem realmente muito contentes, mas eu fiquei com a sensação de que elas andavam sempre mal humoradas. Penso que os diálogos precisam de mais atenção e sensibilidade nos próximos trabalhos do autor.

No geral, posso afirmar que o balanço foi positivo e, após ponderar os vários aspetos que mencionei na minha opinião, decidi atribuir 3 estrelas a este romance do género fantástico (embora para mim se enquadre melhor no género de fantasia urbana). A ideia do autor é boa, há suspense e reviravoltas ao longo da história e apenas alguns pontos precisam de ser mais trabalhados no futuro.
Vou continuar atenta às obras do Joel G. Gomes e deixo aqui os meus votos de muito sucesso a nível profissional!

Classificação: 3/5 estrelas

domingo, 19 de outubro de 2014

Vamos escrever um conto? - Divulgação do conto "A Cidade"


A iniciativa Vamos escrever um conto? que promovi no início deste ano demorou mais tempo do que eu planeava, mas deu os seus frutos. Estou muito contente por poder finalmente partilhar convosco o primeiro conto escrito em conjunto por um grupo de pessoas.

O conto intitula-se A Cidade e mais abaixo podem ler a parte inicial do conto, aquela que foi escrita por mim.
Para lerem o conto na íntegra, sigam este LINK.

Agradeço a todos os participantes que se inscreveram neste desafio e que participaram ativamente durante a construção do conto. Sem vocês, isto não teria sido possível!

Espero que gostem!

A CIDADE

"Os raios de sol entravam pela janela do quarto, atravessando a cortina branca e fazendo antever outro esplêndido dia de final de primavera.
Eva desligou o despertador e decidiu aproveitar durante mais uns minutos o quente aconchego da sua cama. Era sexta-feira e o dia previa-se atarefado: de manhã teria de fazer as compras para a semana seguinte; para a tarde tinha agendadas duas sessões no Clube de Escrita, na biblioteca onde trabalhava; e à noite iria a um jantar com o grupo do voluntariado, antes de entrar ao serviço no bar-discoteca, onde trabalhava em part-time dois dias por semana.
Enquanto fitava o teto do quarto, não conseguiu impedir-se de recordar o que acontecera há onze meses atrás. Parecia ter decorrido uma eternidade desde a última noite que passara com ele antes da sua vida se desmoronar. As lembranças desses dias eram ainda dolorosas, tal como era insuportável a saudade que por vezes lhe regressava ao coração, apertando-o num nó cego, como se de uma corda se tratasse.
Em poucos dias, Eva passara de uma noiva feliz a uma solteira de coração destroçado. Caramba, Afonso engravidara a sua prima, a sua maldosa prima que só agia através de planos rebuscados e com o único objetivo de interferir na relação de ambos.
Depois do choque, da desilusão e do noivado desfeito, Eva enclausurara-se no seu quarto durante vários dias, sem querer ver ninguém. A pouco e pouco, à medida que os dias davam lugar a semanas, Eva retomou a sua vida, embora os seus sentimentos se assemelhassem a uma tempestade que teimava em não amenizar. Dois meses depois, cansada dos olhares de piedade e dos comentários intriguistas dos habitantes da sua aldeia, Eva abandonou a casa dos pais e mudou-se para a cidade, ficando no apartamento da sua amiga de infância, que estava vazio desde que esta fora estudar para Londres.
Viver sozinha num período tão doloroso da sua vida podia parecer difícil, mas na verdade o silêncio da casa acalmava-a mais do que esperava ser possível. A cidade, durante o dia, fervilhava em atividade, agradando imenso a Eva, que podia caminhar anonimamente por entre a multidão, sem que ninguém a olhasse de lado pelo seu passado.
Agora, nos seus vinte e oito anos, sentia que poderia ser novamente capaz de dar um rumo à sua vida e concentrar-se nos projetos e sonhos que tinham ficado esquecidos desde aquele acontecimento dramático.
O momento de reflexão acerca do passado tinha terminado. Era altura de se focar no presente e isso incluía levantar-se, tomar um duche e preparar-se para sair. Em pouco mais de quarenta e cinco minutos estava arranjada e satisfeita com o pequeno-almoço. Agarrou a lista de compras que estava pendurada na porta do frigorífico, colocou a bolsa ao ombro e pegou nas chaves do carro.
Ainda mal tinha chegado junto da maçaneta da porta que dava para o exterior quando o telefone começou a tocar.
(...)"

Para lerem o conto na íntegra, sigam este LINK.

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

[Passatempo] "A Segunda Pele da Acácia Mimosa" de Ana Gil Campos


Em colaboração com a autora Ana Gil Campos, tenho para oferecer 1 exemplar do livro A Segunda Pele da Acácia Mimosa, que será lançado no dia 24 de outubro.

Para se habilitarem a ganhar este prémio basta responderem acertadamente às questões presentes no formulário. Podem participar até às 23h59 do dia 30 de outubro.

Convido-vos a visitar o blog da autora, onde encontrarão as respostas às questões.
Poderão, de igual forma, visitar a sua página no facebook.

Regras:
1. O passatempo decorrerá até às 23h59 do dia 30 de Outubro;
2. Todas as participações devem apresentar os dados preenchidos corretamente; respostas incompletas ou incorretas levam à anulação da participação.
3. O vencedor será escolhido aleatoriamente, através do Random.
4. O vencedor será publicado no blogue e contactado por email, tendo 48h para responder, indicando a morada para envio do prémio.
5. É aceite uma participação por pessoa/email.
6. O passatempo está aberto a participantes de Portugal (continental e ilhas).
7. O envio do prémio ficará a cargo da editora/autora.

"A Imagem" de Joel G. Gomes [Convite]


quinta-feira, 16 de outubro de 2014

"A Segunda Pele da Acácia Mimosa" de Ana Gil Campos [Book trailer]

Deixo-vos aqui o book trailer do primeiro romance de Ana Gil Campos.
Podem reler a sinopse aqui.

video

Fiquem atentos, pois em breve haverá novidades!

domingo, 12 de outubro de 2014

"A Imagem" de Joel G. Gomes [Divulgação]

A Imagem é o segundo romance de Joel G. Gomes e trata-se da sequela de Um Cappuccino Vermelho, primeiro livro da série intitulada Intersecção.
Fui convidada pelo autor a ler este romance do género fantástico, para depois dar a minha opinião, e agradeço desde já a oportunidade de conhecer um autor português do qual até hoje não tinha lido nenhum trabalho.

Título: A Imagem
Autor: Joel G. Gomes
Série: Intersecção
Edição: 2014, Edição de Autor
Páginas: 436
ISBN: 9781301979653

Data de lançamento: 25 de outubro

Sinopse:
Lucas vive preso à sua rotina, sempre receoso de que o menor deslize atraia atenção indesejada para si e para os segredos que esconde. Durante muito tempo, Lucas consegue manter um perfil discreto, mas tudo ameaça mudar quando se depara com uma imagem surgida do nada.

Apesar do modo bizarro como a imagem aparece, aquilo que o inquieta realmente é o que esta representa. Ignorando os presságios, Lucas tenta retomar a sua rotina, mas as perguntas estão colocadas e enquanto não encontrar as respostas que precisa não conseguirá ter paz.

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

"A Última Ceia - Um Conto de Terror Natalício" de Ana C. Nunes [Opinião]

Aos poucos tenho andado a aventurar-me com os e-books e a dedicar-me aos contos, pois são uma boa forma de explorar novos autores, principalmente portugueses.

Este conto atraiu-me pela sua capa e título; achei a ideia bem interessante e ainda mais assim que descobri que o conto oferecia também ao leitor uma pitada de sobrenatural.
A escrita da autora é muito cativante, algumas descrições estão narradas de forma excelente (nomeadamente a do sabor do prato do peixe) e esta história lê-se mesmo num instante.

Gostava que a parte natalícia tivesse sido mais explorada, pois não senti grande ligação com esta época do ano.
Em conclusão, é um conto de leitura agradável e que recomendo a todos os leitores, mesmo que não gostem muito de histórias de terror.

Classificação: 3/5 estrelas

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Palavras Sentidas


"Tudo estava bem. Talvez não estivesse perfeito, mas a vida nunca era perfeita. Era confusa e, por vezes, um verdadeiro desastre, embora existisse beleza nessa confusão e paz em pleno desastre."

Espero por Ti
Jennifer Armentrout

terça-feira, 7 de outubro de 2014

Projeto Conjunto | Empréstimo Surpresa [Apresentação]


Tanto eu como a Silvana do blog Por detrás das palavras somos adeptas da biblioteca e dos empréstimos. Só desta forma nos é possível ler mais livros, uma vez que o dinheiro não abunda por estes lados.

Experimentamos alguns empréstimos entre nós este ano, e agora decidimos enquadrá-los num desafio. Assim, vamos continuar com os nossos empréstimos, mas desta vez não vamos escolher os livros que queremos ler uma da outra. O que vai acontecer é que vamos enviar livros surpresa para que a outra leia.

Estamos a pensar dar o prazo de um mês, um mês e meio, para que a outra consiga ler e depois enviar o livro lido, juntamente com o livro surpresa.

Para que estes empréstimos sejam mais dinâmicos, iremos enviar, juntamente com o livro, um conjunto de pequenos desafios, para que a outra responda, acerca do livro em questão!

Esperamos que acompanhem este nosso novo projeto!!

Boas leituras!

domingo, 5 de outubro de 2014

Postais pelo Mundo | Rússia (2)

Um destes dias voltei a receber um postal, o segundo vindo da Rússia.


Fiquei imediatamente apaixonada por esta coisinha mais fofa. Eu adoro gatos, por isso achei este postal perfeito!

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Booking Through Thursday | Doente


DOENTE

O que é que lês quando estás doente e apenas queres algo fácil e reconfortante? Ou preferes ver televisão em vez disso? (supondo que não estás a dormir uma sesta, claro.)

Penso que nunca estive doente ao ponto de precisar de ficar de cama. Além de gripes, constipações, dores de cabeça ou indisposições, nunca tive, felizmente, nada de grave.

Em alturas como estas, quando me sinto mais em baixo, gosto de ler e normalmente pego no livro que estiver a ler no momento. Se estiver com dores de cabeça, não consigo ler e prefiro dormir até me sentir melhor.

Quando não me apetece ler, aproveito para ver séries, que são o meu outro vício para além dos livros.

E vocês, o que preferem fazer quando estão doentes?

"A Segunda Pele da Acácia Mimosa" de Ana Gil Campos [Divulgação]

Título: A Segunda Pele da Acácia Mimosa
Autora: Ana Gil Campos
Edição: 2014
Editora: Chiado
Páginas: 172
ISBN:  978-989-51-1785-7

Data de lançamento: 24 de outubro

Sinopse
Sara, uma mulher determinada e ambiciosa, no pico da sua carreira como arquitecta sente um grande vazio interior, uma frustração que a consome apesar de ter uma vida aparentemente perfeita. Assim, desloca-se perturbada a Vieira do Minho, a sua terra natal no norte de Portugal, para procurar ajuda da única pessoa que a pode ajudar, a sua alma gémea. A Sara quer desaparecer da sua vida sem que ninguém perceba! De regresso a Lisboa, vê-se nos meandros da maçonaria feminina onde ser apercebe, em pânico, estar envolvida num caso de corrupção com uma ministra do governo português. O seu casamento também se encontra em crise pois vive de aparências. O casal vive como dois estranhos dentro de casa, completamente desligados um do outro, onde a tensão é constante. O Pedro, o seu marido que também é arquitecto, aceita o compromisso de trabalhar em São Paulo e faz-lhe um ultimato: ou vai viver com ele para o Brasil ou o casamento está definitivamente terminado. Desesperada e sem saber o que fazer relativamente à maçonaria, ao seu envolvimento no caso de corrupção e ao próprio casamento, resolve fugir para Barcelona, onde se refugia na casa do seu amigo Barden, alto membro da maçonaria espanhola. Durante estas semanas em Barcelona vai descobrir o verdadeiro segredo maçónico e tomar as decisões mais importantes e determinantes da sua vida. 

A autora

Ana Gil Campos, bracarense que divide o seu tempo entre o Porto e São Paulo, escreve o seu primeiro romance, A Segunda Pele da Acácia Mimosa, publicado pela Chiado Editora. Colaborou com a revista Exame de 2011 a 2013 e escreveu para o Expresso de 2009 a 2014. Mestre em Engenharia Biomédica pela Universidade do Porto, afirma que não escolheu ser escritora mas que foi a escrita que lhe exigiu atenção desde muito cedo como uma necessidade irrequieta e vital. Para si viver é entregar-se de forma nua e sequiosa à escrita. Atualmente escreve o seu segundo romance e dedica-se com regularidade ao seu blog (www.anagilcampos.blogspot.com).

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

[Maratona Literária] Viagens (In)Esperadas - Setembro | Balanço Final


Balanço Final

Esta não foi, de longe, a minha melhor maratona; é capaz de ter sido uma das mais fraquinhas, tendo em conta que li uma média de 45 páginas por dia. De qualquer forma, como já referi antes, gosto de ler ao meu ritmo e, se a vontade não for muita, não insisto.

Mais uma vez, gostei imenso de participar nos desafios diários promovidos pelas organizadoras e espero poder participar noutra maratona em breve.

As minhas leituras foram as seguintes:

  1. A Imagem [Joel G. Gomes] - 227 pág
  2. O Grande Amor da Minha Vida [Paullina Simons]  - 140 pág

Total: 367 páginas

RESULTADOS ANTERIORES:
Maratona 1 (Janeiro) - 422 páginas lidas
Maratona 2 (Fevereiro) - 450 páginas lidas
Maratona 3 (Março) - 476 páginas lidas
Maratona 5 (Maio) - 322 páginas lidas
Maratona 6 (Junho)  - 667 páginas lidas
Maratona 7 (Julho) - 1132 páginas lidas

Aquisições: Setembro

Setembro foi um mês melhor em aquisições de livros do que em leituras propriamente ditas!
Durante este mês chegaram cá a casa livros muito interessantes, ora vejamos: dois adquiridos através do site winkingbooks; dois emprestados e outros dois comprados nos fantásticos saldos da Editorial Presença.

Todos os livros pertencem a autores que nunca li, com excepção do livro de Patricia MacDonald, de quem já tive oportunidade de conhecer duas obras.

E vocês, tiveram um bom mês de aquisições?

WINKINGBOOKS


EMPRÉSTIMOS


SALDOS EDITORIAL PRESENÇA