sábado, 10 de março de 2018

"Deixa-me Odiar-te" de Anna Premoli [Opinião]


Antes de tudo, deixo aqui o meu agradecimento ao Clube do Autor por me ter proporcionado a oportunidade de ler este livro e me ter permitido conhecer uma nova autora.

Não tinha lido opiniões nem conhecia este livro antes de o receber, pelo que parti para a leitura sem qualquer expectativa. Imaginava apenas que seria um daqueles livros fofinhos, bons para descontrair, e por essa razão peguei nele depois de terminar um thriller mais intenso.

O livro não me desiludiu, antes pelo contrário, revelou-se uma grande surpresa.
Jennifer e Ian são colegas de trabalho, detestam-se e dificultam a vida um ao outro. Um dia, são obrigados a trabalhar em conjunto e entram num perigoso jogo de aparências sem pensarem nas consequências...

Esta história é completamente hilariante! Ainda mal tinha começado a ler e já estava perdida de riso.
Normalmente já sabemos que um livro deste género vai terminar num final feliz. É isso que esperamos. Portanto, o que nos interessa é o rumo da história e a caminhada das personagens até ao seu final feliz.

Adorei conhecer estas personagens, assim como assistir às suas provocações mútuas. Curiosamente, gostei muito mais do Ian; desde cedo que achei que ele não era o mulherengo fútil que Jennifer pintava. Como a história é toda contada no ponto de vista de Jennifer, acabamos por conhecer apenas os seus pensamentos, os seus receios, a sua visão das coisas, embora ela nos permita também algum conhecimento sobre Ian.

Deixa-me Odiar-te está repleto de situações caricatas e irónicas que provocam gargalhadas no leitor e o farão sentir-se relaxado e divertido. Foi isso mesmo que eu senti. Diverti-me imenso, fartei-me de rir e achei a escrita da autora uma verdadeira lufada de ar fresco.

Como diz o jornal Il Messaggero, este é "um romance anti-depressão". Não posso estar mais de acordo! Leitura recomendada para quem precisar de um romance leve e descontraído!

Classificação: 4/5 estrelas

1 comentário: