sábado, 2 de julho de 2016

"Crenshaw, O Grande Gato Imaginário" de Katherine Applegate [Opinião]


Começo por agradecer à Booksmile (chancela da 20|20 Editora) por me ter proporcionado a oportunidade de ler este livro e, desta forma, poder ter um primeiro contacto com a obra de Katherine Applegate.

Antes de mais, tenho de confessar que acho o design deste livro lindíssimo. O seu tamanho é um pouco maior que os livros de bolso e, tanto o exterior como o interior, são cativantes. 

O livro conta-nos a história de Jack, um menino que não tem tido uma vida fácil nem semelhante à das outras crianças. Com a doença do pai e o emprego precário da mãe, o dinheiro escasseia e nem sempre é fácil pagar as contas e comprar comida. Jack rapidamente percebe que, se a situação não mudar, podem acabar a morar na carrinha, tal como já aconteceu no passado.

Crenshaw é um gato grande, sincero e imaginário, que volta a aparecer na vida de Jack para o ajudar e para o relembrar do que é realmente importante.

Gostei imenso de conhecer esta história e estas personagens que, de forma cativante, nos mostram que nem sempre os bens materiais são o que mais importa, mas sim a amizade, a lealdade e a entre-ajuda.

Através de uma escrita recheada de ternura, Katherine Applegate consegue conquistar crianças e adultos com uma história que tem muito a ensinar. É uma história que transmite valores às crianças e que nos mostra como elas veem e percebem o mundo e como os adultos, muitas vezes, as excluem dos seus problemas. Por mais que se tente proteger as crianças, as mais crescidas começam a compreender que algo se passa e isso pode trazer-lhes angústia, daí que seja importante que haja diálogo entre pais e crianças.

Todas as personagens deste livro estão bem caracterizadas e devo dizer que me diverti imenso com as interações entre Crenshaw e Jack.

Em conclusão, este é um livro que pode ser lido por adultos e pelas próprias crianças, ou então ser lido às crianças pelos adultos. É uma história que nos transmite esperança e que nos relembra a nossa infância e os nossos próprios amigos imaginários. Acredito que esta encantadora história permanecerá no coração dos leitores.

Classificação: 4/5 estrelas

Nota: Este livro foi-me cedido pela editora em troca de uma opinião honesta.

2 comentários: