sábado, 13 de abril de 2013

"A Verdade nos Olhos" de Harlan Coben [Opinião]

Quando encontrei, por acaso, este livro na biblioteca, decidi requisitá-lo de imediato, mesmo tendo outros reservados nesse dia. Gosto imenso deste autor e aproveito sempre a oportunidade de ler mais um livro dele.

Tal como acontece em "Tacada Mortal", o protagonista é Myron Bolitar, um agente desportivo. Creio que os livros desta série podem perfeitamente ser lidos fora de ordem, pois não fazem muitas referências aos livros anteriores.

O livro começa com Myron a ter notícias de Terese Collins, uma mulher com quem teve um intenso romance e da qual nada sabia há mais de sete anos. Terese está em Paris e telefona-lhe, em tom desesperado, a pedir ajuda. Ao chegar lá, Myron fica ao corrente do passado traumático de Terese, desde as suas tentativas para engravidar até ao trágico acidente que lhe levou a filha e toda a sua felicidade.
Agora, Terese é suspeita da morte do ex-marido e não tem ninguém a quem recorrer. Myron ainda hesita, mas quando surge uma pista indicando que a filha dela pode estar viva, ambos são arrastados para uma investigação que poderá pôr em risco as suas próprias vidas.

Harlan Coben tem um grande talento em criar enredos que, além de prenderem o leitor, o surpreendem ao virar de cada página. Esta história é muito mais do que parece à primeira vista e dá mais voltas do que seria de esperar.
Inicialmente, estamos apenas perante uma investigação de uma mulher suspeita de matar o ex-marido, mas rapidamente a história ganha contornos inimagináveis. São abordados temas como a fertilização in vitro e a conservação de embriões, assim como o terrorismo.

O facto deste policial envolver terroristas faz com que o leitor possa esperar cenas de extremo perigo, lutas corpo a corpo muitíssimo bem descritas, assassinos implacáveis e muita adrenalina.
De acordo com a crítica do London Lite, "os thrillers de Harlan Coben são romances de leitura compulsiva dotados de uma precisão cirúrgica" e eu não diria melhor. É realmente difícil largar estes livros, dado que a escrita fluida e os diálogos constantes nos impelem a ler sempre mais.

Já sabem que recomendo vivamente este autor e pretendo continuar a conhecer os seus policiais!

Classificação: 4/5 estrelas

2 comentários:

  1. Coben é dos meus autores preferidos e as obras dele são, para mim, sempre de leitura compulsiva!
    Já li este há bastante tempo e gostei muito, sobretudo do final.
    Continuação de boas leituras :)

    ResponderEliminar
  2. Lígia, todos os que li até agora também os achei muito viciantes! É um autor para continuar a acompanhar :)
    Boas leituras!

    ResponderEliminar