sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

"Coração de Corda", um conto de Carina Portugal [Opinião]

Este foi o conto que li no âmbito do desafio Português no Feminino. Aproveitei para conhecer uma nova autora que há muito me despertava curiosidade.

Foi o segundo conto que li dentro da temática steampunk, onde tanto o homem como a máquina ganham importância. Neste conto, as engrenagens são utilizadas no Homem, para substituir membros destruídos ou até substituir um coração.

Philip Reeve é um inventor, um artesão que trabalha com estas engrenagens e que, numa certa noite, ao assistir a um bailado, fica deslumbrado com uma das suas bailarinas, Angelique. Mas no seu doce sorriso esconde-se algo mais sombrio, que Philip quererá descobrir a todo o custo.

Este conto proporcionou-me uma leitura agradável; está bem estruturado e escrito de forma cuidada e melodiosa. Gostei de Philip e da sua personalidade destemida, da curiosidade e vontade que tinha de ajudar Angelique. As suas ações acabaram por ter um fim diferente do que eu imaginada, o que me surpreendeu.

Tive alguma indecisão acerca da pontuação a atribuir a este conto, pois fiquei sem perceber qual o objetivo do plano engendrado por Casimir. O final também não me satisfez completamente; depois de um momento que considerei emocionante, tudo ficou muito fácil e senti-me desiludida.

Apesar de tudo, foi bom descobrir uma nova autora portuguesa e tenciono continuar a ler os seus trabalhos. Agradeço à autora por disponibilizar gratuitamente este e outros dos seus contos.

Classificação: 2/5 estrelas

2 comentários: