sábado, 18 de fevereiro de 2017

"Scarlet" de Marissa Meyer [Opinião]


Após a leitura de um romance histórico denso e que me ocupou durante duas semanas, senti necessidade de mudar a leitura seguinte para um tema completamente diferente. Assim, peguei no Scarlet, o segundo volume das Crónicas Lunares, que andava desejosa de ler.

Se em Cinder a autora nos apresentou um re-telling do conto clássico da Cinderela, em Scarlet temos o conto da Capuchinho Vermelho, no mesmo mundo futurista onde existem robots, andróides, cyborgs e um povo que habita na Lua e é comandado pela terrível rainha Levana.

Neste livro, acompanhamos Cinder, que luta pela sobrevivência após o desastroso baile dado pelo príncipe Kai, e conhecemos Scarlet, uma jovem que procura desesperadamente a sua avó desaparecida. Durante esta procura, encontra um aliado misterioso, Wolf, um lutador de rua, que se mostra confiável e sedutor. Mas nem tudo é o que parece e Scarlet não imagina a aventura repleta de emoções que terá pela frente.

Cinder e Scarlet acabarão por se cruzar, dado que também as suas histórias se interligam. Se já me tinha sentido fascinada com a criatividade e imaginação da autora no primeiro livro, então este só veio comprovar a excelente capacidade da autora de nos transportar para um novo universo e nos deixar completamente agarrados e viciados na história e nas personagens.

Toda a narrativa está muito bem estruturada, com boas doses de ação, intriga, romance e um bocadinho de humor. O perigo é constante para as duas heroínas e a fasquia ficou muito elevada para o volume seguinte. Ainda há muito por descobrir acerca das relações entre o povo Terrestre e o povo Lunar e mal posso esperar pela oportunidade de me agarrar ao terceiro volume desta série.

As Crónicas Lunares estão mais que recomendadas, quer sejam amantes do género ou mais avessos a este tipo de histórias. Experimentem e deixem-se cativar!

Classificação: 5/5 estrelas

Sem comentários:

Enviar um comentário