segunda-feira, 12 de maio de 2014

"A Djinn Azul da Babilónia" de P. B. Kerr [Opinião]

A trilogia Filhos da Lâmpada iniciou-se com o livro A Aventura de Akhenaton, cuja opinião já foi publicada neste blog.

Embora seja uma coleção mais adequada para o público juvenil, os Djins são seres que me despertam curiosidade, tendo sido essa a principal razão que me levou a querer ler esta trilogia.

Neste segundo volume, os gémeos John e Philippa - que descobriram os seus poderes Djinn na história anterior - vão entrar numa nova e perigosa aventura que envolve a Djinn Azul da Babilónia: a líder simbólica de todos os Djins, bons ou maus, e o árbitro supremo da justiça dos Djins.

Os dois jovens vão voltar a viajar, desta vez para Istambul, Transilvânia, Berlim, Cairo e Iraque, onde se situa o Palácio Suspenso da Babilónia.

Na sua escrita fluida e cativante, com um toque de humor, o autor envolve-nos em novas aventuras repletas de ação e suspense e dá-nos a conhecer uma grande diversidade de novas personagens, bem como outros aspetos do mundo dos Djins.

Foi uma história que li rapidamente e que acredito que irá cativar os mais jovens, a quem recomendo a leitura. Espero ler em breve o terceiro e último volume da trilogia de P. B. Kerr.

Classificação: 3/5 estrelas

Sem comentários:

Enviar um comentário