sábado, 22 de março de 2014

"A Estranha Vida de Nobody Owens" de Neil Gaiman [Opinião]

O autor Neil Gaiman foi-me recomendado pelo meu irmão, que o conhece por ele ter escrito dois episódios da série Doctor Who. Entretanto, descobri que ele é o autor de Stardust - O Mistério da Estrela Cadente (vi o filme e adorei), o que me deixou ainda mais curiosa.

A Estranha Vida de Nobody Owens é um livro de ficção juvenil que promete encantar jovens e adultos, fãs de fantasia.
Nobody Owens é um rapaz que poderia ser perfeitamente normal, não fosse o facto de viver num cemitério e ter como família adotiva uma série de fantasmas e outras entidades semelhantes que cuidam dele e o educam, protegendo-o do mundo exterior. Apesar de Nobody se meter em aventuras e alguns sarilhos, é fora das grades do cemitério que residem os verdadeiros perigos, pois é aí que se encontra Jack, o homem que nunca desistiu de procurar Owens desde a fatídica noite em que assassinou toda a sua família...

Apesar de parecer um pouco sinistro, este livro é encantador e está escrito de forma sublime, sem esquecer o humor. Nele acompanhamos o crescimento de Owens, desde bebé, num cemitério onde os seus habitantes, apesar de mortos, estão bem vivos.

Owens tem um tutor, o Silas, um guarda solitário que não pertence nem ao mundo dos vivos nem dos mortos, e que se encarrega do rapaz vivo. Owens vai crescendo, tornando-se numa criança perspicaz e curiosa e, mais tarde, num jovem muito corajoso e com vontade de conhecer o seu passado, nomeadamente como chegou ao cemitério.

Somos invadidos por uma grande variedade de personagens e inúmeras aventuras, onde a ação e o suspense estão sempre presentes.

Gostei imenso do cenário que o autor criou e não deixo de recomendar esta leitura a quem desejar aventurar-se neste mundo mágico, quer seja um leitor jovem ou adulto.

Classificação: 4/5 estrelas

7 comentários:

  1. Também tenho alguma curiosidade em relação ao trabalho de Neil Gaiman e este livro parece-me ser uma escolha interessante para uma primeira leitura ;)

    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que sim, é uma boa escolha para começar a conhecer as obras do autor :)

      Beijinho

      Eliminar
  2. Tenho por ler. Já era para o ter começado, mas estou atrasada bahhhhh :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também é um livro que se lê num instante, portanto recuperas rapidamente o atraso :)

      Eliminar
  3. Acabar o do Patrick Ness, Misery e um conto do Hans Christian Andersen e depois alapo-me a ele ;D

    ResponderEliminar